DEPOIMENTOS

" Quando iníciou o futsal ele não conseguia correr muito bem e nem chutar a bola, além disso ele era um garoto muito acanhado, não se comunicava com ninguém.

 

Além do futsal ele pratica a natação, pude observar uma evolução, tanto fisíca como moral de auto-confiança. Quando não posso levá-lo aos treinos ele fica muito bravo."

 

          Vivian, mãe do atleta Luigi

"Meu filho joga na equipe há dois anos, torço com o coração batendo à mil em todo o campeonato, assim como todos os outros familiares dos jogadores. Estou muito satisfeita com a evolução positiva que meu filho teve aqui."

   

                  Nilza, mãe do atleta Léo

"Jogo futsal desde os 20 anos, comecei a praticar por livre e espontânea vontade, hoje sou atacante do time. Também faço a ginástica olímpica e natação."

 

                     Jorge, atleta